Black Friday deve movimentar R$ 6,38 bilhões na sexta-feira, mostra ABComm

Levantamento da Associação Brasileira de Comércio Eletrônico indica mais de 10 milhões de pedidos no dia 26 de novembro de 2021.

Por Paola Fernandez

Estudo realizado pela Associação Brasileira de Comércio Eletrônico (ABComm) indica crescimento significativo nas vendas e no faturamento no próximo dia 26 de novembro de 2021, quando ocorre a Black Friday.

As lojas virtuais do Brasil devem movimentar R$ 6,38 bilhões apenas nas 24 horas da sexta-feira. É um crescimento 25% superior ao faturamento registrado em 2020, que já havia sido positivo em razão da aceleração digital provocada pela pandemia de covid-19. Na ocasião, as vendas passaram de R$ 5,1 bilhões.

Ao todo, mais de 10,28 milhões de pedidos serão concluídos ao longo da Black Friday, com um tíquete médio de R$ 620 – no ano passado, o valor médio foi de R$ 668,70. As categorias de informática,  celulares, eletrônicos,  moda e acessórios e  casa e decoração estão em alta no período.

“Mesmo com o avanço da vacinação e a retomada do varejo físico, até os consumidores mais reticentes ao digital já assimilaram a Black Friday como uma oportunidade de encontrar bons produtos com desconto vantajoso”, explica Mauricio Salvador, presidente da Associação Brasileira de Comércio Eletrônico.

Compartilhe (Share)

Faça um comentário

ver todos comentários