I2GO entra na linha de áudio

Com novos produtos, empresa quer manter em 2019 o ritmo de crescimento de 25% obtido no ano passado.

Marcelo Castro

Com menos de uma década no mercado, a i2GO cresce em ritmo acelerado. Este ano, entra forte na linha de áudio com o lançamento de fones de ouvido e caixas de som, uma delas de 40 W, à prova d´água. Lança, também, na 14ª Eletrolar Show, um headphone com alta qualidade de som e que isola o barulho até de avião (Automatic Noise Cancellation – ANC). “Duas outras metas de 2019 são atingir 20 mil pontos de venda em todo o Brasil ante os 17 mil atuais e crescer 25%, mesmo ritmo de 2018”, diz Marcelo Castro, diretor e um dos fundadores da empresa.

A marca é subdividida em três linhas: i2GO Basic, i2GO Plus e i2GO PRO, cada uma com seu propósito e produtos com três anos de garantia, conta Marcelo. “A primeira possui itens acondicionados em displays compactos, que utilizam o mínimo de espaço na loja; a segunda é formada por produtos que são vendidos em gancheiras devido às suas embalagens maiores; e a terceira é uma linha de alta performance, com acabamento premium e voltada aos clientes de grande porte.” Em 2017, implementou a estratégia omnichannel para estar presente no varejo de acordo com o posicionamento de cada um.

Bateria Portátil PRO Series 20.000 mAh – Preço sugerido em 14/05/2019: R$ 229,00

Hoje, a i2GO tem como principais produtos cabos, incluindo o de 3 metros com chip original da Apple e homologado, carregadores para smartphone, inclusive de indução, baterias externas, como a power bank de 20.000 mAh, fones de ouvido, incluindo uma linha Bluetooth, e suportes veiculares. “Trabalhamos com tecnologias exclusivas. Nosso carregador tem a Smart Charge, que carrega o celular (até dois aparelhos) de forma inteligente”, afirma o diretor.

Atuação dirigida

Com um trabalho que visa aos acessórios para smartphones, exceto capas, a i2GO fabrica seus produtos em sede própria, na China. “Hoje, é a marca número um na categoria e, justamente por seu foco exclusivo, consegue trazer todos os diferenciais de performance que os consumidores buscam”, garante Marcelo, que atua em um mercado competitivo mas em expansão e, conforme sua análise, se mostra mais empolgado este ano.

A escolha da categoria de acessórios se deu quando da constatação de que o consumo desses produtos crescia nos Estados Unidos. Amigos de infância, o engenheiro Marcelo Castro e Daniel Doho, oriundo do mercado financeiro, fundaram a empresa em 2012, simultaneamente no Brasil e naquele país, quando se uniu a eles Takeo Ishii, então representante da marca japonesa Elecon, a principal de capas, fones de ouvido e películas.

No início, o trio focou em preço, mas constatou que, mesmo com mais de 50 opções de capas colocadas à disposição, muitos não se animavam a adquiri-las, algumas vezes por problemas de cor, outras pelo tamanho. O que se procurava, mesmo, eram bateria, carregador, cabo e fone de ouvido, itens essenciais para quem tem smartphone. “Começamos a estudar o consumidor e foi ele quem nos direcionou a ter o portfólio atual”, explica Marcelo.

 

Fonte: Revista Eletrolar News ed. 130

Compartilhe (Share)

Faça um comentário

ver todos comentários