Mercado de computadores cresce 16% no primeiro trimestre de 2020, revela estudo da IDC Brasil

O mercado de computadores vendeu 1,47 milhão de unidades entre os meses de janeiro e março de 2020 e cresceu 16%, desempenho relevante em relação ao mesmo período de 2019, quando caiu 6,2%. A conclusão é do estudo IDC Brazil PCs Tracker 1Q2020, da IDC Brasil.  Do total de vendas, 71,9% foram notebooks, com 1,064 milhão de unidades, e 28,1% foram desktops, com 415,6 mil. Em relação ao primeiro trimestre do ano passado, as vendas de notebooks cresceram 18,8% e as de desktops 9,6%. A receita do mercado de computadores também teve alta de 30,6% e foi de R$ 5,16 bilhões.

No primeiro de trimestre de 2020, foram vendidos 674.163 tablets no Brasil, queda de 3% em relação aos três primeiros meses do ano passado. Para o período, a IDC previa queda de 10%, mas a pandemia de Covid-19 aumentou o consumo desse dispositivo.  

Nesse mesmo período, o mercado de impressoras vendeu 659.468 unidades e cresceu 4,1%. Do total de unidades, foram 313.084 modelos tanque de tinta, um aumento de 20%, 116.510 foram a laser (- 2,4%), 228.865 foram de cartucho (-9%), e 1.009 foram matriciais (-27,5%). 

Compartilhe (Share)