ARTIGO ABRADISTI

Associação Brasileira da Distribuição de Tecnologia da Informação (Abradisti)

POR QUE A ABRADISTI INCORPOROU O “C” DO TIC NOS ESTUDOS REALIZADOS NESTE ANO?

Mariano Gordinho, presidente-executivo

A Abradisti passou a considerar de forma mais ampla a área de tecnologia da informação e comunicação (TIC) nos estudos realizados e apresentados em 2021. Enxergamos e entendemos a importância de incluir o “C” nas nossas análises devido a dois principais motivos.

Primeiro, porque nossos associados já vendem produtos relacionados à comunicação. Quando se analisam os distribuidores de TI, muitos já oferecem soluções móveis, que vão do tablet ao celular.

Segundo, porque, ao não incorporar o “C”, a Abradisti ficaria isolada. Temos atualizado e ampliado a nossa visão dentro desse mercado de TIC em que o “C” ocupa o lugar de destaque. Identificamos em nosso estudo setorial que, em 2011, foram 10,6 milhões de smartphones vendidos no país. Em 2020, chegamos a 42,7 milhões de unidades.

O “C” da comunicação vai além, tem relação com conectividade. Importante é perceber, nessa integração da tecnologia, que a comunicação tem um papel cada vez mais relevante. Está cada vez mais acessível ter uma TV inteligente, que se conecta com o relógio, com o celular e com o notebook.

É notável como marcas renomadas perceberam isso cedo e agiram para que essa múltipla conectividade deixasse de ser só uma tendência. Elas a transformaram em realidade. Isso leva os distribuidores à necessidade de atender o seu cliente, a revenda, que faz entrega ao cliente dela muito rapidamente. Esse caminho é inevitável, uma tendência cada vez mais presente em nosso dia a dia.

Fonte: Revista Eletrolar News #144

Compartilhe (Share)

Faça um comentário

ver todos comentários