CAIXAS DE SOM – Mercado em expansão

A portabilidade mudou o mercado de áudio, em que se incluem as caixas de som. Grandes, médias ou pequenas, estão em alta e podem ser utilizadas para muitas finalidades.

Guilherme Santos, diretor da Amvox
Dirceu Kniess, diretor comercial da Frahm

 

Andressa Romanholi, gerente de marketing da iWill Brasil
Sisi Hong, CEO da Kimaster
Fabio Wei, gerente de comunicação da Xtrad

A tecnologia vem causando transformações em todos os mercados. São tantas e tão rápidas que, em alguns momentos, houve até dificuldades de adaptação por parte do consumidor. Um dos mercados nos quais elas foram mais fortes foi o do entretenimento, em particular o da música. Os avanços afetaram algumas empresas, que chegaram a fechar as portas, dando espaço a outras mais ágeis, aptas a atender às novas demandas.

Com as inovações, a forma de consumir música mudou radicalmente. “Hoje, os aplicativos de streaming de músicas estão difundidos e as caixas de som precisam estar prontas para atender a essa demanda. Conexão sem fio via Bluetooth e portabilidade estão entre as tecnologias mais procuradas pelos consumidores”, conta Dirceu Kniess, diretor comercial da Frahm.

Este ano, de janeiro a agosto, as caixas de som deram um salto de 62,7% nas vendas em relação ao mesmo período do ano passado, conforme números da empresa de pesquisas GfK. Foi uma grande explosão, provocada pelo Bluetooth e pela presença de mais produtos e marcas no mercado. O que era um nicho há dois anos transformou-se em um mercado aquecido, que exige dos produtos atributos como portabilidade e qualidade de som, principalmente.

Da festa para o churrasco

As caixas de som podem percorrer qualquer trajeto e estão em todos os ambientes, tanto internos como ao ar livre. Também viajam com o usuário. “Elas substituíram o antigo micro system – aquele aparelho que ficava na sala, estático – em algo portátil. Revolucionaram o mercado de áudio, que está em evolução. Hoje, o consumidor tem o poder de levar sua música para onde quiser”, diz Guilherme Santos, diretor da Amvox.

Os avanços foram muitos. “Um dos maiores foi a criação de modelos mais portáteis, com áudios de altíssima qualidade, que são capazes de embalar festas sem qualquer tipo de problema, bem como os modelos com a capacidade de se conectar entre si com a tecnologia de pareamento, resistentes à água, e com atendimento de chamadas por viva voz”, conta Sisi Hong, CEO da Kimaster.

Esses produtos são um bom negócio, afirma Fabio Wei, gerente de comunicação da Xtrad. “Eles são usados para muitas finalidades: para entreter em casa, lecionar em salas de aula e também no trabalho, para conferências, além de serem obrigatórios em festas e eventos. As caixas pequenas e médias têm alta procura devido à portabilidade, cabem em bolsas e mochilas e contam com boa autonomia.”

O mercado é desafiador, diz Andressa Romanholi, gerente de marketing da iWill Brasil. “Estamos iniciando essa trajetória e o que percebemos é que, cada vez mais, as pessoas buscam produtos que otimizem o seu dia a dia e com mais benefícios. Os maiores avanços estão na conectividade, mais acessível, e na duração da bateria. Hoje, há caixas cada vez mais compactas em tamanho, com qualidade de som e bateria que dura horas.”

Natal com música

AMVOX

ACA 501 Nex X
ACA 1001

O fim de ano movimenta muito todos os mercados, e no segmento de áudio não é diferente. Com ampla linha, que inclui rádio boombox com CD e caixas portáteis com diferentes potências, a Amvox destaca dois produtos para o Natal: as caixas amplificadas ACA 1001, Bluetooth, 1000 W, com RMS, FM, USB, SD, auxiliar e LED, e a caixa amplificada ACA 501 New X. Preços sugeridos em 14/10/2019: ACA 1001 – R$ 1.399,00 e ACA 501 – New X R$ 899,00.

FRAHM

TF 600

A Frahm, cujo portfólio engloba caixas e amplificadores de diversos tamanhos e potências, com baterias internas, sound system e caixa portáreis para sonorização, apresenta, para a data, a TF 600. “É uma caixa de som com bateria, 600 W de potência e visual moderno. Amplificar a música tem se tornado muito comum, cada vez mais todo e qualquer ambiente está sendo sonorizado”, diz o diretor comercial da empresa. TF600 – Preço sugerido em 02/10/2019: R$ 799,00.

IWILL

Vogue Speaker
Prime Speaker

Em maio deste ano, quando iniciou a sua linha de caixas de som, a iWill lançou a Prime Speaker, com design diferenciado. Neste trimestre, traz a Vogue Speaker, que foi apresentada na 14ª Eletrolar Show. “Recebeu ótima aceitação do público, pois é um produto três em um: caixa de som, power bank e com área de carregamento wireless para smartphones”, conta a gerente de marketing da empresa. Preços sugeridos em 30/09/2019: Vogue Speaker – R$ 399,00 e Prime Speaker – R$ 249,00.

KIMASTER

K400
K450

Leves e pequenas, as caixas de som K450 e K400, que podem ser utilizadas em gadgets, são a aposta da Kimaster para o Natal. “Com 10 WRMS e 5 WRMS de potência, respectivamente, e bateria para até oito horas de música, têm proteção IPX6 contra jatos de água e tecnologia de pareamento para conexão com outras do mesmo modelo, entradas USB e Micro SD, conexão auxiliar P2 e atendimento de chamadas por viva voz. São compatíveis com a tecnologia Bluetooth 4.2”, diz o CEO da empresa. Preço sugerido em 30/09/2019: K450 – R$ 250,00 e K400 – R$ 150,00.

XTRAD

XDG-40
XDG-48

A Xtrad tem vários tipos de caixas de som, das minis às grandes, para festas. “Os novos produtos têm a tecnologia TWS, que permite conexão direta entre caixas do mesmo modelo”, conta o gerente de comunicação. Destaque para a XDG-48, Super Bazuk, com 100 W de potência, bateria interna com 2.000 mAH, microfone e completo sistema multimídia, e a Beat Box XDG-40, com a mesma potência e capacidade de bateria interna, driver woofer e função rádio-relógio. Tem cartão SD, entrada USB auxiliar e rádio FM. Permite a conexão sem fio. Preços sugeridos em 30/09/2019: XDG 48 – R$ 380,00 e XDG-40 – R$ 270,00.

Fonte: Revista Eletrolar News ed. 133

Compartilhe (Share)

Faça um comentário

ver todos comentários