GAMER – Acessórios em alta para todos os níveis de jogadores

Os produtos gamer deram um salto de vendas na primeira semana de abril de 2020, como mostram estudos da empresa de pesquisas GfK. Cresceram mais de 70%, comprovando a força da categoria.

Neste período da Covid-19, quem utilizava equipamentos gamer para lazer e entretenimento, ou mesmo profissionalmente, foi atrás de novidades, conforto e mais tecnologia. Os streamers, criadores e desenvolvedores de conteúdo no mundo dos games, que transmitem ao vivo o seu jogo para quem quiser acompanhar, também cresceram bastante, alavancando o número de usuários domésticos.

A indústria acompanha esse mercado e oferece a ele periféricos específicos, que atendem todas as categorias de seguidores, profissionais ou não. Acessórios como monitores, headsets, mouses, teclados, cadeiras gamer, joysticks, adaptadores de áudio, webcams e muitos outros integram um mercado lucrativo, com lançamentos ágeis e constantes, cada vez com mais tecnologia. Confira a seguir.

ACER

Tem cerca de 50 produtos em diferentes categorias e busca sempre a inovação, diz Adriana Lemos, gerente de produtos da área de monitores, projetores e acessórios da Acer Brasil. “Vemos o mercado de gamer com ótimas tendências e previsão de crescimento de dois dígitos em 2020, no Brasil.

Com o atual cenário, observamos também uma mudança no modelo de comercialização e no comportamento de compra do usuário. O formato tradicional mudou para vendas online e modelos de assinaturas de serviços”, acrescenta.

A marca lançou o Predator XB253Q GX, monitor com tela IPS de 24.5” Full HD, tecnologia NVIDIA G-Sync e taxa de atualização de 240 Hz, com tempo de resposta de 0,5 ms. São tecnologias que permitem ao monitor acelerar os quadros por segundo para fornecer cenas de movimento ultrassuaves, diminuindo o atraso de entrada.
Destaca, também, o headset Gamer Acer Nitro para quem joga games mais complexos, que demandam tempo, e para quem faz streaming e fica horas online em contato com o público. Proporciona alto nível de cancelamento de ruídos e imersão total no universo do jogo. Outro produto é o mouse gamer Predator Cestus 300, para até 70 milhões de cliques, com opções de personalização para iluminação, perfis e macros.

Monitor Predator XB253Q GX Preço sugerido em 29/04/2020: R$ 2.699,00. Mouse gamer Predator Cestus 300 Preço sugerido em 29/04/2020: R$ 299,00. Headset gamer Acer Nitro Preço sugerido em 29/04/2020: R$ 399,00.


ELG

A ELG Gaming, divisão da empresa voltada ao segmento gamer, conta com uma linha de aproximadamente 30 itens. “Nossos produtos são compatíveis com as plataformas PC, Xbox One e PlayStation 4. Tivemos crescimento de 60% nas vendas de produtos para jogos. De modo geral, toda a linha vende muito bem, teve incremento significativo nos meses de março e abril por conta da quarentena”, diz Rafael Montello, gerente de produtos da ELG.

Entre os produtos de destaque, a cadeira gamer Black Hawk CH05 tem design inspirado nos bancos de automóveis esportivos e almofadas para apoio cervical e lombar. Produzida com materiais premium, couro sintético e base reforçada, suporta até 150 kg e tem inclinação de até 90o.

O headset Surround Sound 7.1 HGSS71 é potente e imersivo sem uso de software. Tem controle de volume, proporciona sensação de distância e profundidade, potência de 60 mW, iluminação em LED laranja, USB 2.0, drivers de 50 mm e arcos acolchoados. O mouse gamer Sniper Pro MGSP com resolução variável de DPI para tiros mais precisos, tem resposta instantânea, 1.000 Hz/1 ms, iluminação diferente para cada resolução, oito botões e cabo com 1,75 m revestido por malha de nylon. Ergonômico, é para destros e canhotos.

Headset Surround Sound 7.1 HGSS71 Preço sugerido em 11/05/2020: R$ 349,90. Mouse gamer Sniper Pro MGSP Preço sugerido em 11/05/2020: R$ 149,90. Cadeira gamer Black Hawk CH05 Preço sugerido em 11/05/2020: R$ 1.299,90.


LOGITECH

Conta com seis marcas, duas delas focadas especificamente no público gamer, Astro Gaming e Logitech G. “O mercado de games teve impacto positivo, pois as pessoas ficam mais em casa e viram nos jogos uma forma de passar o tempo. É importante ressaltar que gamer não é nicho, mas um mercado em grande expansão”, afirma Ricardo Filó, gerente de marketing da Logitech Brasil. A empresa tem outra marca, a BLUE Microphones, focada em microfones para produtores de conteúdo.

Da marca Logitech G, destaque para o mouse G PRO Wireless. “Possui peso e sensação perfeitos, todos combinados com nossas tecnologias de sensores sem fio LIGHTSPEED e HERO, de 16 k de dpi”, conta Ricardo. Em headset, a marca Astro Gaming lançou no Brasil o A10 na cor branca, em duas versões, para PS4/PC e para Xbox/PC. Oferece mais opções aos jogadores com drivers de 40 mm. Tem microfone unidirecional e controle de volume no cabo.

O mais novo lançamento da Logitech, marca-mãe, é a Streamcam Plus, webcam desenvolvida para criadores de conteúdo com qualidade de imagem, microfones frontais duplos e conectividade USB-C, possibilitando a gravação na horizontal ou vertical para publicação em diferentes plataformas. É compatível com Windows e Mac.

Headset A10, da Astro Gaming Preço sugerido em 11/05/2020: R$ 499,90. Mouse G PRO Wireless, da Logitech G Preço sugerido em 11/05/2020: R$ 699,90. Streamcam Plus Preço sugerido em 11/05/2020: R$ 1.299,90.


OEX GAME

O mercado brasileiro de produtos está com mais destaque ainda, diz Eliane Pacheco, head de marketing da OEX Game. “Ele estava em disparada antes do isolamento social. Para quem é profissional, o cenário mudou pouco. O que dificultou foi o cancelamento de eventos e torneios presenciais, que fortalecem o setor. No entanto, quem usa equipamentos gamer para entretenimento o faz também em home office, unindo trabalho e lazer.”

A empresa tem um portfólio com 80 itens, entre headsets, teclados, mouse, mousepads, combos, gabinetes e cadeiras. Entre eles, o mouse Dyon MS322 é um acessório exclusivo para jogos de velocidade (FPS). Ultraleve, pesa apenas 72 g e é apresentado em três opções de cores.

Da linha PINK, lançada em maio deste ano, destaca o headset Pink Fox 7.1 HS414, com design leve e microfone superssensível, com conforto total nas conchas e haste. Tem ainda o teclado de membrana Prismatic TC205, com sensação tátil do mecânico. Vem com iluminação rainbow e teclas vazadas. Segundo a head de marketing, é uma versão na cor rosa, best-seller da marca OEX.  Headset Pink Fox 7.1 HS414.

Teclado de membrana Prismatic TC205 Preço sugerido em 14/05/2020: R$ 189,00. Mouse Dyon MS322 Preço sugerido em 14/05/2020: R$ 199,00. Headset Pink Fox 7.1 HS414 Preço sugerido em 14/05/2020: R$ 269,90.


XZONE

Entrou no mercado gamer em fevereiro deste ano com a comercialização da linha XZone, que tem 14 modelos. “As vendas vêm aumentando a cada mês, com excelente aceitação pelo público gamer. Hoje, em nosso portfólio, há mouses, teclados, headsets, combos e cadeiras gamer. Teremos mais novidades no segundo semestre”, diz John Zak, diretor comercial da empresa.

Os números mostram que a participação da marca vem crescendo e se consolidando. Um de seus produtos de destaque é a cadeira premium Gamer – CGR-01, com design ergonômico e confortável. Vem com almofadas para pescoço e lombar, é reclinável de 0o a 155°, tem giro de 360º e estofamento de couro sintético PU.

Possui, ainda, o teclado mecânico Gamer GTM-01, com 20 modos de iluminação LED em sete cores, 12 teclas multimídias,teclas Anti-Ghosting Full Board, acabamento em alumínio, interruptor mecânico Outemu, conector USB banhado em ouro, cabo em nylon de 1,6 m e três anos de garantia. E o mouse 16400DPI Gamer GMF-02, com16.400 DPI, design ergonômico, sete níveis de DPI ajustáveis, nove modos de iluminação em LED RGB, acabamento emborrachado soft touch, conexão USB plug and play, cabo em nylon de 1,6 m, conector USB banhado em ouro e sensor Pixart 3325.

Cadeira premium Gamer – CGR-01 Preço sugerido em 14/05/2020: R$ 999,00. Mouse 16400DPI Gamer – GMF-02 Preço sugerido em 14/05/2020: R$ 159.90. Teclado mecânico Gamer – GTM-01 Preço sugerido em 14/05/2020: R$ 349.90.

ABRADISTI OBTÉM SENTENÇA FAVORÁVEL QUE REDUZ ENCARGOS SOBRE A IMPORTAÇÃO DE GPUS

Ação movida em 2013 pela Abradisti, que tramitou por sete anos na Justiça Federal de São Paulo, questionava o aumento da carga tributária sobre a importação de placas de vídeo, ou GPUs (Unidades de Processamento Gráfico, em tradução livre). O resultado favorável foi obtido em primeira instância, em abril de 2020. A taxação feita sobre a importação dessas placas volta a ser de 2%, derrubando a imposta pela Receita Federal desde 2009, que chegava a 31%, somados os impostos de 16% sobre importação (II) e 15% sobre produtos industrializados (IPI).

Como isso afeta o mercado gamer?

“Mais empresas de distribuição vão se interessar em atuar no mercado de placas de vídeo. Com a classificação adequada, o efeito imediato é que vamos ter mais opções de produtos no mercado, com preços competitivos”, explica Mariano Gordinho, presidente-executivo da Abradisti.      

 

Fonte: Revista Eletrolar News ed. 136 – Por Neusa Japiassu

Compartilhe (Share)

Faça um comentário

ver todos comentários